O Administrador é o representante legal dos fundos perante as autarquias regulatórias (Bacen e CVM) e auto-reguladoras (Anbima), assumindo responsabilidades que seguem abaixo:

  • Representação legal;

  • Elaboração do regulamento e demais documentos constitutivos dos fundos;

  • Convocação de assembleias de cotistas;

  • Cadastro dos fundos junto aos depositários, ANBIMA e demais contrapartes;

  • Controles de Enquadramento e Risco (controle dos limites de alocação de recursos em linha com a legislação em vigor e o regulamento dos fundo);

  • Controles contra Lavagem de Dinheiro (PLD);

  • Interface com o Gestor;

  • Interface com o Custodiante;

  • Contratação e supervisão dos diferentes prestadores de serviços;

  • Responsabilidade fiscal (recolhimento de tributos, emissão de Informes de Rendimento em bases anuais aos cotistas);

  • Interface com o Auditor;